©

Encontrado embaixo da ponte, chegou até a sua dona através de um “site de relacionamentos”. Ama tanto queijo branco que praticamente dá plantão na porta da geladeira. Seu petisco para negociar as aprontadas é uva. Embora ele não consiga subir no beliche sozinho, faz questão de dormir lá. Quando a casa se movimenta para domir, ele começa o ritual de “Não esqueçam de me içar”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *