2d61156a199fc6b16b68af7385c7a798

Comparando a anatomia de animais carnívoros com a nossa, fica mais do que claro que não fomos feitos para comer carne.

O homem é biologicamente mais próximo dos herbívoros a começar pelo comprimento do trato intestinal.

Carnívoros têm um sistema intestinal que permite a passagem da carne de forma relativamente rápida, antes que ela tenha alguma chance de apodrecer e causar doenças.

Já o intestino humano é longo, tem 6 vezes o comprimento do corpo, e não consegue eliminar a carne rapidamente.

Carne em decomposição libera toxinas como o ácido úrico, uréia e amônia, que passam através da parede intestinal.

Essas toxinas afetam as juntas, causando inflamação, reumatismo, artrite e causando danos aos rins e ao fígado.

Além disso, humanos não possuem dentes para triturar ossos ou rasgar a carne.

screen-shot-2016-12-05-at-1-22-43-pm

Nossos dentes ‘caninos’ são insignificantes e vinte dos nossos trinta e dois dentes servem para mastigar grãos e nozes.

Também temos unhas muito menores e menos agressivas.

Em contraste, carnívoros compartilham de garras afiadas e dentes caninos grandes capazes de dilacerar a carne de suas presas.

As mandíbulas dos carnívoros movem-se somente de baixo para cima, o que faz com que eles cortem grandes pedaços de carne de sua presa e engulam por inteiro.

Assim como os herbívoros, humanos conseguem mover suas mandíbulas para cima e para baixo e também de um lado para o outro, um movimento que permite a mastigação de comidas fibrosas e plantas.

Ou seja, não fomos feitos para comer carne. Muito menos carne em excesso. Está na hora de mudar nosso comportamento.

Informe-se, repense seu consumo. Reflita. Mude. Dê o primeiro passo. Elimine a crueldade do seu dia a dia. Um dia por semana pode fazer um mundo de diferença.

#AHIMSA #GoVegan #VireVegano #SegundaSemCarne #TodoDiaSemCarne #WeekdayVeg
#LunesSinCarne #LundiSansViande #MeatFreeMonday #MeatlessMonday#Vegetariano #Vegan

carnivoro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog

Últimas postagens

Newsletter

Newsletter

Assine nossa newsletter e receba notícias e informativos